Sinta-se livre para tirar qualquer tipo de dúvida ou propor trabalhos e parcerias.

 

Tel: 55(19) 99706-3900 (Vivo) e WhatsApp
Campinas - SP

contato@arteyoga.com.br

Entre em contato

Política de privacidade          Termos de uso

© 2019 por Katia Hardt

Abrindo as comportas do coração

07/02/2019

 

 

Você tem represado suas emoções? O que tem feito para gerenciá-las?
Você sabia que a falta de gerenciamento emocional tem levado inúmeras pessoas a adoecerem, ao fracasso profissional e aos conflitos de relacionamentos? 

Represar emoções e não dar vazão a elas, é represar as más águas, é tentar conter o que sabemos que precisa sair de dentro do peito.

Muitas vezes evitamos enfrentar o que nos aflige, tentamos construir "barragens internas", achando que podemos sustentar o insustentável e que isso nunca irá desmoronar. Essas "barragens", são aquelas desculpas e justificativas que damos para não reconhecer o que precisa ser curado, mas em algum momento essas emoções irão se "infiltrar" e o que se tentou conter, pode se romper e provocar um grande estrago no corpo físico e psíquico a qualquer hora. Isso pode acontecer de repente, com uma vontade de chorar, uma sensação de amargura, tristeza, desgosto, raiva ou descontentamento, que você nem sabe de onde vem. Porque talvez o corpo pediu socorro, mas não foi ouvido, deu sinais para abrir as "comportas" e liberar as más águas, as mágoas passadas, as emoções negativas, que deveriam escoar, só que os sinais foram ignorados.

E assim sem ter clareza do que aflige, sem saber lidar com os conflitos internos e sem reconhecer as fragilidades, muitos postergam o cuidado com si mesmo, preferem esconder seus temores do que encarar seus medos, em consequência disso se afogam na própria represa emocional.  

Antes que a "barragem" se rompa, o que pensa fazer a respeito? Você vai deixar pra cuidar disso depois?   

 

Please reload

Posts Em Destaque

By being a warrior you will harmonize the Present-Past and Present-Future

March 31, 2017

1/2
Please reload

Posts Recentes

January 17, 2019

Please reload

Arquivo